Roteiro – Chapitô

Resolvi começar uma listagem de sítios que conheci em Lisboa. Este sítios, por agora, vão englobar restaurantes, bares, discotecas, e recantos escondidos…
Iniciemos a lista com uma boa abertura:

  • 1.Chapitô
  • Localizado na encosta do Castelo, tem uma paisagem citadina bastante agradável. Não são propriamente preços baixos os que se praticam, mas ainda dá para pagar uns copos à namorada (que por sinal é um bom sítio para a levar) sem ir à falência e ficar com orçamento para o resto da noite. Isto porque o Chapitô encerra relativamente cedo (2:00).

    Também existe a opção de visitar o Restô, o restaurante deste espaço agradável. Com sorte ainda sacam de um espectáculo ao vivo com os protagonistas da casa.

    Copofonia (1): 4/10
    Namorada friendly (2): 8/10
    Ambiente (3): 7/10
    Música (4): 5/10
    Aviso de barramento (5): Não aplicável

    Classificação (6): 7/10

    Nota:
    (1) Reflecte a capacidade do local de nos oferecer bons litros de bebidas de qualidade apreciável ao melhor preço.
    (2) Expressa o nível potencial da apreciação do espaço por parte da namorada e se é o local indicado para a trazer.
    (3) Se existem pessoas a vender substâncias ilegais, eventuais senhoras da boa vida (leia-se má), senhores de boina com uma mini sagres na boca, etc. Quanto maior a classificação, menor a probabilidade de encontrar tais sujeitos.
    (4) A música poderia ter sido englobada no conceito de ambiente descrito anteriormente. No entanto, a musicalidade do local merece só por si uma classificação.
    (5) Aviso para a eventual existência dos míticos seguranças nocturnos. Um aviso expresso aqui siginifica geralmente que deverão levar umas cinco a dez loiras bem parecidas atrás como precaução para eventual barramento à entrada.

    (6) A classificação dos locais engloba vários paramêtros de calibre reconhecido internacionalmente com base nas normas ISO-222111222 e ISO-123456789. No entanto, reflectem apenas a minha opinião pessoal, por tal não devem ser fonte para cadernos tipo Via Michelins, nem roteiros “tôristicos”. Se no caminho para o local forem assaltados, espancados nego qualquer responsabilidade sobre a informação prestada neste espaço.