Ideias I

Dou começo hoje a uma nova secção a que denominei ideias. Palavra simples que pode envolver várias vertentes. Neste caso irei deixar algumas ideias que me ocorrem de vez em quando, com menor ou maior grau de desenvolvimento. Tomei esta decisão porque verifico que fácil é ter a ideia. A dificuldade reside na implementação e aplicar o que alguns neurónios semi-acabados tendem em construir no plano mental. Assim, opto por colocar alguns deslizes mentais neste meu pequeno espaço e quem sabe, alguém com mais arte e engenho que eu, possa colocar algo na prática.

Ideia I – BluePhoneBooth / Bluegamer

Existem várias implementações/aplicações bluetooth aliadas ao telemóvel espalhadas por esse mundo fora. Desde a publicidade não intrusiva à comunicação com outros dispositivos. Existe também o conceito de Bluesnarfing e BlueHacking . O que proponho vai mais longe que isto e que até o próprio BT Fusion ou que o Skype Phone.

Basicamente seria criar uma aplicação Java para telemóveis capaz de utilizar o bluetooth como gateway para a voz, utilizando VoIP. Depois colocar-se-iam cabines telefónicas bluetooth por vários sitíos (ex. centros comerciais, salas de espectáculo, etc.) onde as pessoas poderiam telefonar por preços bastante mais baratos utilizando o seu telemóvel e bluetooth. Poder-se-ia ir mais longe e criar aplicações que permitam ser utilizadas por outros telemóveis. Exemplo: um utilizador utilizaria o seu telemóvel para procurar dispositivos (telemóveis) perto que lhe permitissem realizar chamadas mais baratas para o número em questão.

Uma extensão desta ideia seria criar máquinas de venda automática de jogos/tons/videos/imagens para telemóvel via bluetooth. Estas máquinas teriam um ecrã apelativo onde o utilizador poderia surfar e ver demonstrações dos jogos/tons/música/imagens etc. Posteriormente, inseria algumas moedas com o valor correspondente e a compra era enviada via bluetooth.

3 thoughts on “Ideias I

  1. Ou o valor logo descontado no saldo do telemóvel…
    Essa das máquinas era capaz de pegar (claro que eu não posso servir de “cliente-tipo”, mas há aí muito tontinho que sim; pagavam mais uns euros por um toquezinho novo a sair da máquina via bluetooth…).

    A primeira já não deslumbra. Quem quer ligar, tem aparelho logo à mão, vai andar à procura de “quiosques” ??? Humm… não me parece.

    e depois uma mudança na política de tarifários dava cabo do negócio, e olha que elas estão a surgir todos os dias. Já sabes o que a Comissária da Concorrência (UE) disse sobre este tema ultimamente?

    Vai partilhando…
    Abraço!
    Nuno

  2. Pingback: Ideia I - Status: Em investigação « Pedro Claro

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s